Este espaço destina-se à divulgação de Noticias, Ideias e Pensamentos e ao debate de temas relacionados com o Mar, a Politica, a Cidadania, o Turismo, a Sociedade e a Cultura em geral. FOI ADICIONADO UM CONTADOR A PARTIR DE NOVEMBRO DE 2010
Sexta-feira, 4 de Fevereiro de 2005
Os Conquistadores do Azul
1228p[1].jpgÈ difícil determinar com exactidão, através da Historia da Humanidade, a partir de quando o homem começou a realizar as suas experiências subaquáticas.
Se recordarmos “Hans Hass”, esse grande cientista do mar, pioneiro da caça submarina e do mergulho com escafandro autónomo, que deu a um dos seus livro o titulo “A Vida Começou No Mar”, poderemos pensar que as nossas experiências subaquáticas, o desejo da conquista da profundidade quer seja em apneia quer com escafandro autónomo, não são mais que a expressão e o desejo do homem em voltar as suas verdadeiras origens, à origem de toda a vida, o Mar.
O largo processo evolutivo que o homem atravessou acarretou uma clara consciência do que significa para si esse imenso mundo subaquático, que sempre admirou com respeito e com uma grande curiosidade, às vezes idealizando esse mundo desconhecido como moradia de divindades, monstros e mitos marinhos. Como que atraído pelo desejo de regressar, o homem lança-se na conquista do mundo do silêncio, quer inventando as mais complexas máquinas, quer utilizando unicamente a sua capacidade física e psíquica mergulhando em Apneia. Nascem assim “Os Aventureiros da Profundidade”, como Hans Hass, Jacques Cousteau, Frederic Dumas, Alber Falco, e outros que começaram por mergulhar em apneia, praticando caça submarina.
Com o aparecimento e aperfeiçoamento do escafandro autónomo, para o qual estes homens muito contribuíram, bem como o desenvolvimento de pequenos submergíveis, passaram a ter uma autonomia que lhes permitiu efectuar estudos científicos, quer a pouca profundidade quer a profundidades inimagináveis, sobre a biologia marinha, a sua fauna e a sua flora, bem como estudar o comportamento do ser humano no meio Subaquático, o que lhes permitiu dessa forma desenvolver teorias e experiências físicas, comprovadas cientificamente, sobre os efeitos do mergulho no Homem, contribuindo assim para o aperfeiçoamento de equipamentos e técnicas de mergulho em segurança.
Assistimos ainda ao aparecimento daqueles a quem gosto de chamar “Os Conquistadores do Azul”, que apesar do progresso científico e tecnológico, com que hoje somos brindados teimam em desafiar o mar e a profundidade pelos seus próprios meios naturais, os amantes do mergulho livre, e os mergulhadores em apneia têm obtido ao longo dos tempos marcas e recordes que há alguns anos atrás se julgavam inatingíveis. A marca de Santarelli foi superada por Enzo Maiorca que alcançou os 53 metros no ano de 1964, depois o polinésio Tetake Williams, atinge os 59 metros; esta marca seria ultrapassada por outro grande nome da apneia, o francês Jacques Mayol, nascido em Shangai, que alcançou os 60,358 metros em 1965. Nos anos seguintes, o americano Robert Crof conseguiria chegar aos 64,616 metros, e chegaria os 73,150 metros, no entanto a maior disputa verificava-se entre, Jacques Mayol e Enzo Maiorca.
Mayol seria o primeiro a alcançar os 100 metros, em Novembro de 1976, se bem que Maiorca chegaria muito perto dessa marca; Mayol conseguiu atingir os 106 metros em 1983. Mayol viria a pôr termo à vida em Dezembro de 2001 pensa-se que por sofrer de solidão.
Não poderia deixar de falar de outros dois grandes mergulhadores apneistas, o Cubano Francisco Ferreras, “Pìpin” e o Italiano Umberto Pelizzari.
“Pìpin”, transformou se no mais exigente praticante de freediving, ou mergulho livre, chegando à impressionante marca de 170 metros. Umberto Pelizzari é hoje considerado o expoente máximo da apneia desportiva da actualidade, Pelizzari bateu todos os limites de profundidade e de permanência debaixo de água, é sem duvida um grande mestre de mergulho livre.
Não podia passar sem falar de nós portugueses. Não falarei de muitos, não por desconsideração, mas porque decidi apenas falar dos que são ou foram as minhas referências, enquanto praticante, desde muito novo de caça submarina e mergulho livre. Com os meus 15 anos (1973) tinha como referencia o grande António Bessone Bastos, o Vítor Cruz, o José Valente Garcia, o David Fernandes, homens que muito contribuíram para o desenvolvimento da caça submarina e das actividades subaquáticas em Portugal. Não nos podemos esquecer que nesse tempo o desenvolvimento da apneia estava inegavelmente ligado aos praticantes da caça submarina, mais recentemente vejo ainda como grande caçador o António Pacheco, com os seus mergulhos por terras de Africa, Moçambique, Cabo Verde ou aqui mais perto nos Açores e na Madeira, e o António Silva, que em Portugal se sagrou campeão de caça submarina por varia vezes, mas também com excelentes prestações no estrangeiro. Outros bons caçadores haverá, mas da caça submarina falarei noutra oportunidade.
A 25 de Junho de 2004 ao largo da ilha do Faial, Açores, três atletas portugueses conseguiram realizar à primeira tentativa, 3 mergulhos recorde: Francisco Gautier é o primeiro Português a atingir a profundidade de 100 metros em apneia em No Limits, Simone Martins atinge com sucesso os 37 metros em Peso Constante e Paulo Nóbrega atinge os 40 metros em Imersão Livre. Os atletas Portugueses estão no bom caminho, espero que outros jovens em breve se juntem aos nossos actuais “Conquistadores do Azul”.

04 De Fevereiro de 2005
António Lemos





publicado por António Lemos às 16:33
link do post | comentar | favorito
|

1 comentário:
De A. Ferreira a 5 de Fevereiro de 2005 às 00:33
Um texto bonito e interessante sem dúvida, é isso que nos motiva... o desafio.

Também fiz caça submarina até que me rebentou um dos tímpanos, mas o máximo a que cheguei foi aos 15/20 m, 2 minutos em apneia, se olharmos para um prédio de 6 andares, percebemos, pois é a mesma altura.

Agora 100 e muitos metros... olhem para um prédio de 30/40 andares...

Já olharam?...

Abraço,


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Maio 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


posts recentes

VISITA A ESCAROUPIM, UMA ...

PSP de Cascais interrompe...

A Margarida Partiu, a dor...

VIVA FIDEL!

Thermopylae. História do ...

Diana Johnstone, Hillary ...

“A Linha de Cascais Está ...

Faina Maior – A pesca do ...

A DÚVIDA! Madre Teresa de...

Charlie Chaplin, “O Melho...

E OS ASSASSINOS GRITAM EU...

Defender a Escola Pública

Telescópio Hale

HÁ ANIMAIS A SEREM MAL TR...

40 Anos da Constituição d...

EU VOTO EDGAR SILVA!

O ALMIRANTE PORTUGUÊS – R...

Noam Chomsky: “A pior cam...

Caiu o Governo de direita...

Luta pela Paz, questão ce...

arquivos

Maio 2017

Março 2017

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Julho 2016

Junho 2016

Abril 2016

Janeiro 2016

Novembro 2015

Outubro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Junho 2010

Abril 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Novembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Maio 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Junho 2008

Abril 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Julho 2006

Abril 2006

Março 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Setembro 2005

Julho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

favoritos

“A FESTA DO AVANTE”, MIGU...

links
Contador
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds