Este espaço destina-se à divulgação de Noticias, Ideias e Pensamentos e ao debate de temas relacionados com o Mar, a Politica, a Cidadania, o Turismo, a Sociedade e a Cultura em geral. FOI ADICIONADO UM CONTADOR A PARTIR DE NOVEMBRO DE 2010
Terça-feira, 20 de Maio de 2014
VOTAR NA CDU É UM VOTO NA CANDIDATURA DE ABRIL!

PORTUGAL É UM PAÍS EUROPEU. O SEU POVO É PORTUGUÊS E ESTÁ NATURALMENTE INTEGRADO NA REALIDADE EUROPEIA. SEMPRE ASSIM FOI E SEMPRE ASSIM SERÁ. AQUELES QUE DIZEM QUE A CDU É CONTRA A EUROPA TENTAM ENGANAR O POVO, TENTAM CONFUNDIR PROPOSITADAMENTE EUROPA COM UNIÃO EUROPEIA.

 

A Europa não é a União Europeia. A Europa é um continente, com a sua história, com os seus povos, as suas culturas e a sua diversidade. A Europa e as relações entre os seus países será em cada momento o que os povos quiserem, porque como o afirma a nossa Constituição da República “a soberania, una e indivisível, reside no povo”.

 

Aqueles que confundem propositadamente Europa com União Europeia tentam na realidade calar a voz dos que não se conformam com uma União Europeia cada vez mais neoliberal, cada vez mais dominada pelos mais fortes, em que as palavras coesão e solidariedade são apenas isso, palavras. Aqueles que promovem esta confusão são aqueles que se querem apoderar de séculos de história da Europa e dos seus momentos altos como a Revolução Francesa, a Revolução de Outubro, a derrota do Nazi fascismo, as importantes conquistas sociais do pós-guerra ou a Revolução de Abril para imporem de forma anti-democrática o seu modelo económico e político de integração.

 

A realidade demonstra que mais União Europeia não significa mais cooperação na Europa, bem pelo contrário. A União Europeia tem acentuado desigualdades, tem aprofundado assimetrias de desenvolvimento e tem degradado as condições de vida de milhões e milhões de pessoas como o demonstra o aumento da pobreza e do desemprego em inúmeros países da Europa.

 

O que a Europa necessita é de um verdadeiro quadro de cooperação entre estados soberanos e iguais em direitos. Uma cooperação direccionada para o progresso social, que ponha os direitos das pessoas no centro das suas preocupações, e não os interesses das multinacionais ou de potência. Como a realidade na América Latina prova são possíveis outras experiências de cooperação que vão de encontro aos interesses dos povos e do desenvolvimento das nações, é por essa Europa que luta a CDU.

 

Ao contrário do que dizem não foi a adesão de Portugal à CEE que abriu as portas da Europa. Foi o 25 de Abril que abriu as portas de Portugal à Europa e ao Mundo.

 

VOTAR NA CDU É UM VOTO NA CANDIDATURA DE ABRIL!

 

 CDU - http://www.cdu.pt/parlamentoeuropeu2014/



publicado por António Lemos às 18:12
link do post | comentar | favorito
|

Quarta-feira, 7 de Maio de 2014
UCRÂNIA, NÃO APRENDEMOS NADA COM O QUE A HISTÓRIA NOS ENSINA!

UCRÂNIA, NÃO APRENDEMOS NADA COM O QUE A HISTÓRIA NOS ENSINA!

A legitimidade da Rússia governada por Putin impor o seu domínio geopolítico e geoestratégicos a países que fizeram parte da URSS ou circundantes, esbarra na legitimidade dos EUA imporem o seu domínio geopolítico e geoestratégicos aos países da América do Sul ou outros!

 

IMPERIALISMO É IMPERIALISMO!

 

Mas o que se passa na Ucrânia neste momento é também uma luta pela sobrevivência da esquerda socialista e comunista e a Rússia é o único travão ao avanço do nazi/fascismo.

 

Na Ucrânia, o "partido, Sector Direita" optou pelo combate nas ruas tendo como objectivo cumprir o sonho de Stepan Bandera, (uma Ucrânia livre da Rússia, de judeus, imigrantes e outros indesejáveis), ou seja uma Ucrânia governada por fascistas.

 

Ao contrário da União Europeia que apoiou o derrube de um governo legitimamente eleito, servindo-se grupos organizados de extrema-direita, que apoiou económica e militarmente, (de forma encapotada), sendo claro o apoio às milícias nazi/fascistas que organizaram a “revolta” na Praça Maiden em Kiev, a Rússia sejam qual forem os seus interesses geoestratégico é vista pelos movimentos de esquerda ucranianos, (estrategicamente todos colocados no saco do separatismo), como a única defesa da sua existência.

 

Aos EUA de Obama, o povo ucraniano não interessa para nada o seu único interesse é aumentar a sua influência geoestratégica, por outro lado, á União Europeia o que interessa é o domínio económico de muitos milhões de pessoas, principal interesse da Alemanha potência dominante da política económica da UE.

 

Os últimos acontecimentos demonstram que a barbárie nazi/fascista avança sem que se vislumbre qualquer crítica ou intervenção dos governos da UE, ou dos EUA para travar a violência extrema incentivada pelo governo ilegítimo da Ucrânia.

 

Hoje o extremismo nazi/fascista propaga-se por toda a Europa, uma tendência que ameaça os próprios fundamentos da democracia, a extrema-direita ganha terreno os nazis da Europa do norte já perceberam isso as democracias da UE fingem não perceber.

 

Assim se caminhou para a 2ª guerra mundial com as nações europeias a fecharem os olhos ao avanço do nazi/fascismo que conquistou o governo em eleições supostamente livres, pondo na prática fim á República de Weimar. NÃO APRENDEMOS NADA COM O QUE A HISTÓRIA NOS ENSINA!

 

Á falta de melhor e tendo em conta a suposta ignorância da UE em relação ao avanço do nazi/fascismo, considero que a Rússia tem o dever e a obrigação de tudo fazer para travar o assassinato de homens e mulheres que o único crime que cometem, é não se quererem submeter ao domínio de um governo ilegítimo, apoiado por grupos de extrema-direita que colocam em causa a democracia, a liberdade e a própria sobrevivência dos que pensam de maneira diferente.

 

Que os homens livres da Europa e do mundo nunca se esqueçam da história.

 

António Lemos

 

Foto: Blogue, “Outras Palavras”, http://outraspalavras.net/posts/quando-a-revolucao-muda-de-rumos/

 

 



publicado por António Lemos às 15:13
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Maio 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


posts recentes

VISITA A ESCAROUPIM, UMA ...

PSP de Cascais interrompe...

A Margarida Partiu, a dor...

VIVA FIDEL!

Thermopylae. História do ...

Diana Johnstone, Hillary ...

“A Linha de Cascais Está ...

Faina Maior – A pesca do ...

A DÚVIDA! Madre Teresa de...

Charlie Chaplin, “O Melho...

E OS ASSASSINOS GRITAM EU...

Defender a Escola Pública

Telescópio Hale

HÁ ANIMAIS A SEREM MAL TR...

40 Anos da Constituição d...

EU VOTO EDGAR SILVA!

O ALMIRANTE PORTUGUÊS – R...

Noam Chomsky: “A pior cam...

Caiu o Governo de direita...

Luta pela Paz, questão ce...

arquivos

Maio 2017

Março 2017

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Julho 2016

Junho 2016

Abril 2016

Janeiro 2016

Novembro 2015

Outubro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Junho 2010

Abril 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Novembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Maio 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Junho 2008

Abril 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Julho 2006

Abril 2006

Março 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Setembro 2005

Julho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

favoritos

“A FESTA DO AVANTE”, MIGU...

links
Contador
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds