Este espaço destina-se à divulgação de Noticias, Ideias e Pensamentos e ao debate de temas relacionados com o Mar, a Politica, a Cidadania, o Turismo, a Sociedade e a Cultura em geral. FOI ADICIONADO UM CONTADOR A PARTIR DE NOVEMBRO DE 2010
Quinta-feira, 29 de Dezembro de 2011
Pablo Picasso no Centro Cultural de Cascais

Obras Picasso para ver no Centro Cultural de Cascais

Ao abrigo do protocolo de colaboração com a Fundación Bancaja, a Câmara Municipal de Cascais e a Fundação D. Luís I apresentam uma importante coleção de trabalhos da obra gráfica de Picasso.

Intitulada "Pablo Picasso – Le Carnet de “La Californie”, a mostra incide sobre o trabalho realizado pelo artista espanhol enquanto viveu na vila La Californie com Jacqueline. Para ver de 29 de outubro de 2011 até 8 de janeiro de 2012. Entrada gratuita.

A exposição apresenta a produção realizada pelo artista espanhol durante o período em que viveu na vila La Californie com Jacqueline. Como expressão dessa atividade exibem-se algumas obras em que foram utilizadas todas as técnicas - gravura calcográfica, água-tinta, linóleo e litografia - bem como os livros ilustrados que saíram do atelier de La Californie.

Entre estas obras estão: La tauromaquia, para o editor catalão Gustavo Gili; o livro que contém os retratos do amigo Max Jacob, as obras que ilustram poemas de Paul Éluard e o do poeta local Henri-Dante Alberti. Do conjunto sobressaem os delicados e inovadores livros realizados com Pierre André Benoît, que contêm poemas de Reve Crevel, Jean Cocteau, o poema-objeto de Tristan Tzara.

Destaque também para o texto clássico de Píndaro e para as ilustrações criadas por Picasso para os textos do próprio Benoît e para um pequeno poema de Jacqueline.

Entrada gratuita | Informações: 214848900 ou e-mail: fdluis@gmail.com

A decorrer até 8 de janeiro de 2012, de terça-feira a domingo das 10h00 às 18h00, no Centro Cultural de Cascais, Av. Rei Humberto II de Itália, Cascais.

Organização: Fundação D. Luís I e Fundacion Bancaja | Apoio: C.M. Cascais/ Bestartis – Portal das Artes

http://www.cm-cascais.pt/Cascais/Noticias/expo_picasso_ccc.htm

 

Exposição de Pablo Picasso no CCC.

Esta exposição termina a 8 de Janeiro de 2012, já faltam poucos dias e vale a pena não perder.

Para alem de Pablo Picasso, Le Carnet de “la Californie” Obra Grafica – poderá ainda apreciar uma exposição de mais quatro artista, intitulada, “Quatro” – Sofia Areal, Manuel Casimiro, Jorge Martins e Nikias Skapinaquis. Pode ainda apreciar mais 2 exposições, uma de pintura intitulada, “Um olhar sobre o Rei Pintor” – Desenhos e Aguarelas de Isabel de Goes e outra exposição de fotografia intitulada “Blick Mira Olha” ambas até 31 de Dezembro de 2011.

Divirtam-se

António Lemos

 



publicado por António Lemos às 09:25
link do post | comentar | favorito
|

Sexta-feira, 16 de Dezembro de 2011
Jerónimo de Sousa «O roubo organizado pelo governo aos portugueses será derrotado»

JERÓNIMO DE SOUSA NO PARLAMENTO.

 NINGUÉM CALA A NOSSA VOZ, NO PARLAMENTO, NAS EMPRESAS NA RUA DENUNCIANDO TODOS OS DIAS A DESTRUIÇÃO DE DIREITOS DOS TRABALHADORES E DOS CIDADÃOS EM GERAL, A VENDA DA NOSSA SOBERANIA AO ESTRANGEIRO, PRINCIPALMENTE AO EIXO FRANCO-ALEMÃO.

A LUTA É O CAMINHO!

António Lemos

 



publicado por António Lemos às 21:55
link do post | comentar | favorito
|

Terça-feira, 6 de Dezembro de 2011
À ditadura do eixo franco-alemão os povos europeus têm que contrapor a REVOLUÇÃO!

 

A Europa vive um momento histórico, a aliança entre a Alemanha e a França, criaram as condições de poderio económico que permitiu o surgimento de um eixo, franco-alemão capaz de ditar a leis económicas e sociais na Europa pondo em causa a democracia dos estados, é ditadura da Alemanha e da França sobre todos os restantes países da União Europeia.

 Desrespeitando todos os outros estados mais pequenos, principalmente os mais periféricos, Angela Merkel e Nicolas Sarkozy governam a Europa a seu belo prazer, claro que não estão isentos os governos neoliberais da Espanha, Itália, Portugal e outros.

Hoje a esmagadora maioria dos governos dos países da Europa são neoliberais, o grande capital conseguiu colocar em todos os sectores político-económicos e económico-sociais dos estados europeus os políticos e os tecnocratas que melhor servem os seus interesses. Os mais poderosos meios de comunicação social, estão dominados por poderosos lóbis económicos e políticos, todos eles de cariz neo-liberal completamente dominados pelo grande capital, temos como exemplo recente a Itália em que Silvio Berlusconi, magnata dos meios de comunicação governou a seu belo prazer. Em Portugal os meios de comunicação social estão dominados por interesses políticos e económicos claramente conotados com os partidos de direita também eles de forte ideologia neoliberal. Os senhores da Europa e dos estados subservientes têm em seu poder todos os meios de domínio da sociedade e usam-nos sem qualquer pudor. Através dos média, das políticas educacionais, e de trabalho, formatam os indivíduos retirando-lhes a liberdade de pensar, dominando-os através do incentivo ao consumo, criando-lhes um bem-estar ilusório, que não passa de um mecanismo de dominação da sociedade capitalista dominante. O eixo franco-alemão tentando salvar a todo o custo sistema capitalista, destrói sem pudor os estado social que os primeiros pensadores da união europeia “garantiram” pretender implementar e aperfeiçoar, as sucessivas propostas que nos últimos dias Angela Merkel e Nicolas Sarcozi tem apresentado com o intuito de rever os tratados europeus estão já devidamente acordadas entre ambos, tendo declarado pretenderem fazer aprovar na próxima cimeira Europeia, dias 8 e 9 de Dezembro.

As propostas de alteração do Tratado Europeu que acima referi, não passam de uma fuga para a frente que nada vai resolver, a crise económica e financeira da Europa vai agravar-se, a proposta de união orçamental a ser aprovada vai retirar aos estados soberanos da Europa a capacidade de gerir a sua economia, a sua política fiscal, a sua política de investimento público e se já é frágil a soberania dos estados mais pequenos e dos estados periféricos ela será desta forma gravemente afectada senão mesmo destruída na sua totalidade. Portugal que vê já a sua independência afectada pela ingerência da famigerada troika, caminhará rapidamente para a perda total, ou na melhor das hipóteses quase total da sua independência ela limitar-se-á a uma bandeira e a uma quantidade de órgãos ditos de soberania que não passaram de fantoches ao serviço do eixo franco-alemão.  

Por tudo isto os povos de cada estado têm direito á defesa da sua soberania, da sua liberdade, têm o direito de decidir o seu destino, têm direito de dizer não quero á ditadura e de defender a democracia, têm direito à revolta, por isso á ditadura do eixo franco-alemão têm de contrapor a revolução, os moldes da revolução têm de ser os povos a decidir, poderá passar pelo fim da zona euro, pelo desmembramento da Europa enquanto União Europeia, por revoluções locais que defendam a democracia e reponham a soberania, ou por uma revolução europeia que retire o poder dominante do capitalismo factor de repressão e bloqueio ao desenvolvimento de uma sociedade justa e livre. O povo tem a força da razão, o povo é quem mais ordena!

 

 António Lemos



publicado por António Lemos às 15:15
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Maio 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


posts recentes

VISITA A ESCAROUPIM, UMA ...

PSP de Cascais interrompe...

A Margarida Partiu, a dor...

VIVA FIDEL!

Thermopylae. História do ...

Diana Johnstone, Hillary ...

“A Linha de Cascais Está ...

Faina Maior – A pesca do ...

A DÚVIDA! Madre Teresa de...

Charlie Chaplin, “O Melho...

E OS ASSASSINOS GRITAM EU...

Defender a Escola Pública

Telescópio Hale

HÁ ANIMAIS A SEREM MAL TR...

40 Anos da Constituição d...

EU VOTO EDGAR SILVA!

O ALMIRANTE PORTUGUÊS – R...

Noam Chomsky: “A pior cam...

Caiu o Governo de direita...

Luta pela Paz, questão ce...

arquivos

Maio 2017

Março 2017

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Julho 2016

Junho 2016

Abril 2016

Janeiro 2016

Novembro 2015

Outubro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Junho 2010

Abril 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Novembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Maio 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Junho 2008

Abril 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Julho 2006

Abril 2006

Março 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Setembro 2005

Julho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

favoritos

“A FESTA DO AVANTE”, MIGU...

links
Contador
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds